Saiba porque Stalin tinha medo deste homem

Wolf Messing era judeu e, segundo dizem, podia ler a mente das pessoas. Quando Stalin o conheceu, imediatamente o afastou dele. Stalin era alguém que sabia o que tudo mundo pensava e se esforçava por esconder o que pensava, era obvio que não queria algum do lado que pudesse ler sua mente. Esta é a historia de Wolf Messing, a única pessoa a quem Stalin temia.

Mago, hipnotizador, adivinho e vidente, Wolf Messing nasceu em 1899 e sem dúvida foi uma pessoa muito enigmática. Ainda que a historia da sua vida vá da realidade à lenda com muita facilidade, ela é impressionante. Hitler colocou preço a sua cabeça, Stalin o queria bem longe a pesar de apreciar as qualidades dele e Beria, o poderoso chefe do NKVD, tinha medo dele diretamente.

Mas a historia começou na Polônia, num bairro judeu. Seus pais queriam que ele fosse rabino, porém Wolf tinha outros planos e por isso foi embora para nunca mais voltar. Pegou o primeiro trem que viu. Sem dinheiro se escondeu embaixo do banco do cobrador, olha que ideia. Obviamente o cobrador o encontrou e quando o arrastou do seu lugar lhe exigiu o boleto. Messing lhe deu um pedaço de jornal velho, aqui diz a lenda que o cobrador furou o papel velho, se desculpou e ainda lhe disse que se tinha boleto não precisava ter se escondido!

É possível que Messing ainda não tivesse consciência real do seu potencial e ainda o estivesse descobrindo. Mas ele se deu conta de que podia de alguma maneira influenciar as pessoas.

O trem o levou até Berlim, lá ele passou fome. Um dia encontrou trabalho num circo. As suas apresentações surpreendiam ao público e por isto ele rapidamente ficou famoso. Dizem que Messing podia encontrar objetos ocultos, ler a mente, prever o futuro, etc.

A historia de Messing se confunde com a lenda em todo momento. Diz a lenda que um dia o circo parou em Viena na Áustria. No local o esperavam nada menos que Sigmund Freud e Albert Einstein. Os dois propuseram um experimento a Messing e este aceitou.

Messing pediu a Freud que pensasse em alguma coisa e ele o faria. Logo acercando-se a Einstein puxou três fios da barba deste. Messing perguntou se era isso mesmo que ele queria, e Freud respondeu que sim. Vai saber!

Mas as curiosidades não param por ai. Quando Hitler subiu ao poder, Messing sendo judeu obviamente voltou para a Polônia. Num teatro em Varsóvia ele diria, “Se Hitler declara a guerra ao leste morrerá”. Obviamente Hitler ficou sabendo, furioso colocou uma recompensa a sua cabeça de 200 mil marcos. Quando Alemanha invadiu a Polônia a Gestapo imediatamente foi prende-lo e eventualmente conseguiram. Diz a lenda novamente que ele obrigou aos guardas da Gestapo a entrar na cadeia e fechar a porta, um truque digno de um Jedi!

Messing que não era tolo fugiu para a URSS. Lá a fama já o precedia, o mesmo Stalin mandou um avião para busca-lo e lhe colocou uma prova. Lhe disse para voltar no outro dia para ver-lo porém não lhe deu nenhum documento e nem avisou ninguém. Pois Messing chegou no dia seguinte ao Kremlin dizendo que era comissario geral para a Segurança Estatal e conseguiu passar todos os pontos de controle da segurança de Stalin.

A lenda continua e diz que Stalin ainda pediu que Messing fosse no Banco Central do Estado e pegasse 100 mil rublos. Sem documentos Messing se apresentou no banco e mostrando uma folha de papel em branco conseguiu retirar o dinheiro.

Ao longo dos anos seguintes seus serviços de vidente foram requeridos em várias ocasiões. Disse que a guerra ia começar na ultima semana de junho de 1941 e ainda que ele viu os tanques soviéticos entrando em Berlim.

Messing teria poucos encontros mais com Stalin. Sem dúvida algo o líder soviético viu em Messing, se diz que tinha medo dele. Durante a guerra se diz que prestou serviço treinando agentes do NKVD, a instituição que originou o famoso KGB.

Diz que Messing entrou sem permissão na casa de Stalin em março de 1953. Stalin surpresso lhe perguntou que se era capaz de ver o futuro então quando seria a morte dele. Messing respondeu, vou morrer depois de você. Stalin morreu esse mesmo mês de 1953.

Nos últimos anos de vida parece que Messing sofreu medo da morte. Doente, foi tirado da casa dele para passar por uma cirurgia simples. Parece que ele disse naquele momento que tudo tinha terminado e nunca mais voltaria para casa.

Messing morreu em 8 de novembro de 1974 após uma cirurgia com sucesso que por alguma razão desconhecida o levou a morte.

Sobre os seus poderes Messing diria:

“… Não é que eu leio mentes, é mais como ler músculos… quando uma pessoa pensa muito em algo, o cérebro manda impulsos a todos os músculos do corpo. Esses movimentos invisíveis aos olhos, eu os podia perceber, sentir… Muitas vezes eu estava realizando tarefas mentais sem contato direto com o indutor. O indicativo para mim aqui era a freqüência respiratória de indutor, as batidas de seu coração, timbre de voz, sua natureza curta, etc.”

Se é verdade tudo isto ou não, eu não sei. Mas que é uma historia legal, isso é. Porém, provavelmente a maior parte seja pura lenda infelizmente…

Fonte: El mago personal de Stalin | Russia Beyond the Headlines

stark

We have a Hulk ;-)

Você pode gostar...